sexta-feira, 3 de março de 2017

The Cult



























Originalmente nomeada como Southern Death Cult em 1981, a banda liderada por Ian Astbury (14/maio/1962 - Inglaterra) teve vida curta e apenas um álbum lançado. Com a mudança dos integrantes, início da parceria Ian Astbury e Billy Duffy (12/maio/1960 - Inglaterra) e o lançamento de um álbum, a banda tornou-se Death Cult (1983). Logo seria apenas The Cult e lançaria Dreamtime (1984), primeiro trabalho de uma banda muito eclética e pouco convencional. Na época, as revistas americanas classificaram o The Cult como "muito gótico para o público em geral, muito heavy para os góticos e muito progressivo para os punks". O single Spiritwalker logo alcançou os primeiros lugares nas paradas independentes. Com o segundo álbum Love (1985),


The Cult conseguiu projeção mundial, alcançando enorme sucesso com a faixa She Sells Sanctuary.

O terceiro album Electric (1987) marcou uma mudança de estilo, de alternativo/punk/gótico para puro rock’n’roll. Sucesso agora em todos os lugares, shows lotados e com a abertura da banda iniciante Guns'n'Roses, a pressão da fama começou a pesar sob membros da banda, particularmente em Astbury, que começava a apresentar problemas com o abuso de álcool. Além disso, a banda sofria com as sucessivas mudanças dos seus componentes. Sonic Temple (1989), produzido por Bob Rock, foi o maior sucesso comercial do The Cult e um dos albuns mais vendidos dos anos 80. Para promovê-lo a banda entrou em turnê e os problemas de Astbury com o álcool pioravam cada vez mais. As músicas Fire woman, Edie (Ciao Baby) e Sweet Soul Sister são tocadas até hoje nas rádios em todo o mundo.









segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

1200 músicos tocando Smells Like Teen Spirit do Nirvana



Começou como uma brincadeira, que pretendia chamar a atenção de Dave Grohl e seus comparsas, para que estes atuassem em Cesena (cidade do norte de Itália). Objetivo cumprido… e acabaram gravando mais versões de temas rock e agora um álbum!!!


 Os Rockin’ 1000, que pretendem ser a maior banda do mundo, estão gravando varias musicas para promover o seu primeiro álbum ao vivo, That’s Live – Live In Cesena 2016. Além dos Nirvana, o álbum conta com versões de grupos como os Steppenwolf, AC/DC e Neil Young, e já se encontra à venda no website dos Rockin’ 1000.


terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Gal Costa 1969



Quando os mais novos e desinformados ouvem falar de Gal Costa logo imaginam uma cantora chata e sem expressão, mas é só pesquisar um pouquinho para entender porque ela é considerada uma das maiores cantoras do Brasil.

A canção "Vou Recomeçar" que vamos escutar agora é de Roberto Carlos e Erasmo Carlos e foi entregue a Gal Costa para a Gravação do seu 1º Lp homonimo lançado no começo de 1969, e sua letra fácil e direta serve para momentos de mudanças na vida de muitas pessoas, eu que o diga!...rsrs.

A partir desse álbum Gal lançou um dos melhores álbuns da MPB o "Tuareg", que é um clássico absoluto da Tropicália e Psicodelia que é demais.
Confira!

              Gal Costa - Vou Recomeçar



            Era tudo que eu precisava escutar hoje!



quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

T.S.O.L e Programa GRITO DA RUA.

















Umas das minhas primeiras lembranças com referência ao som do T.S.O.L é o programa Grito Da Rua exibido no início dos anos 90, programa esse que tinha como atração principal o então desconhecido da maioria e recém chegado skate e que tinha como sua trilha sonora de encerramento justamente a canção 'Flowers by the door' do T.S.O.L.

Considerada uma das mais importantes bandas Punk/Hardcore da Califórnia, o T.S.O.L. (True Sounds of Liberty) surgiu em 1979, formada por Jack Grisham (vocais), Ron Emory (guitarra), Mike Roche (baixo) e Todd Barnes (bateria). Influenciado por bandas como Misfits e Sex Pistols, eles lançam seu primeiro auto-intitulado EP em 1981.

O True Sounds of Liberty navegou por vários estilos musicais como o Hard/Gótico, hard/glam e por isso é lembrada como uma banda eclética, e que alcançou um sucesso rápido e merecido graças as suas grandes performances ao vivo, mas o que marcou pra gente foi a música de encerramento do lendário programa GRITO DA RUA!


                   TSOL - Flowers by the Door



Encerramento do lendário programa GRITO DA RUA:

The Sugarcubes - Björk & Front 575.


Quem frequentou o Front 575 vai pirar nesse som!!!




Se você viveu a década de 90 no ABC Paulista mais precisamente em Santo André certamente já deve ter ouvido falar no Front 575, uma das casa noturnas mais conhecidas da região e especializada em música alternativa.

E se existe uma banda que tem tudo a ver com o Front essa banda é a "The Sugarcubes" . O som do vídeo acima "Deus" era um verdadeiro hino do lugar e assim que o Dj começava a tocar a galera delirava e a pista se enchia com pessoas cantando emocionadas em coro, apesar da letra não ser nem um pouco católica, rs.

A banda Islandesa que esteve em atividade entre 1986-1992 e tinha em seus vocais a linda e esquisitona Björk que dispensa qualquer tipo de comentário. O grupo foi uma das primeira banda da Islândia a atingir reconhecimento Internacional.

Essa foi pra matar a saudade mesmo, bons tempos!!!