quarta-feira, 20 de abril de 2011

Como Seria o MMA se Bruce Lee Estivesse Vivo?

Caros amigos do Vitrola.
Como Seria o MMA se Bruce Lee Estivesse Vivo?
Mantenha os olhos abertos para o próximo filme de ação de Singapura: “Espirito de Luta”. Por que se as cenas recentemente liberadas no promo forem um retrato do que é o filme como um todo, veremos Danny Chan, o eterno goleiro do Shaolin Soccer, fazendo jus ao titulo do filme. Porrada é o que não vai faltar!
Inspirado no aniversário de Bruce Lee e na Febre do MMA, Danny Chan, que não apenas parece com Bruce, como também treina a arte marcial criada por ele (Jeet Kune Do), decidiu responder a pergunta que todos fazem: ”E se Bruce estivesse vivo nos tempos de hoje e entrasse para o MMA?”
Danny Chan: “Nos somos grandes fãs de bruce lee, esse filme que estamos filmando é um novo filme uma homenagem ao seu legado para dar aos fãs um vislumbre do que seria e de como seria se o espírito do jkd se tornasse parte do fenómeno global que é o MMA”
A proposta é mostrar Bruce, conhecido por criar o primeiro MMA, como um lutador de MMA que entra no ringue com lutadores cabulosos e mete a chulipa com muito estilo.

Confira o Trailer:

8 comentários:

  1. ja tem esse filme pra fazer download amigo
    c tiver coloca o link pra fazer download desse filme é muito loko valel

    ResponderExcluir
  2. queria saber quando vai te esse filme pra fezer dowload parece se muito bom

    ResponderExcluir
  3. Bruce Lee e o MMA nos dias de hoje

    Observando os conteúdos de sites como o da TATAME, verifiquei que de tempos em tempos surge um ou outro comentário sobre o célebre Bruce Lee. Já faz quase quarenta anos que Lee faleceu, no entanto o legado do Pequeno Dragão se mantém vivo.
    Para muitos Lee foi o maior artista marcial que já existiu; para outros, foi fruto do cinema e para alguns só mais um bom praticante. Mas quem está realmente certo?
    Para tentar chegar a uma conclusão farei uma comparação com aquele que é considerado um dos maiores lutadores peso por peso do momento: George Saint Pierre.
    Escolhi o canadense GSP por ele ter um biotipo semelhante ao de Bruce. Todavia devemos ter em mente três grandes diferenças entre os dois:
    - cerca de 40 anos os separam. De lá para cá houve muita evolução técnica na arte de lutar, nos métodos de treinamento, no trabalho de rendimento físico e na medicina esportiva;
    - Lee era um artista marcial, visava o campo de batalha (budô), enquanto GSP é um lutador que trava seus embates sob as regras do MMA (mais especificamente do UFC);
    - de Bruce Lee só temos testemunhos e vídeos antigos (alguns caseiros) de algumas de suas demonstrações, como a que foi realizada em Long Beach (1964). Portanto há carência de informações sobre o real poder de combatividade de Lee. No caso de GSP a situação é totalmente contrária, existe farto material das suas lutas e treinamentos.
    Para compará-los utilizarei os seguintes critérios: velocidade, força dos golpes (atemi waza), rendimento físico e técnica de luta (ou marciais).
    No quesito velocidade pode ser observado em vídeos do Youtube que em matéria de chutar e socar não há ninguém mais rápido do que Lee foi, inclusive em seu livro Tao of Jeet Kune Do, Lee afirma que velocidade é umas das principais características que o artista marcial deve buscar. George St. Pierre também é rápido, mas para mim neste item Lee é incomparável.
    Bruce Lee demonstra a força de seus golpes no seu famoso soco de uma polegada e em algumas demonstrações de quebramento e treinos de saco. Pelas suas lutas e treinos pode-se observar que GSP é um pegador no mínimo satisfatório. Aqui acredito que em termos de contundência, ficam elas por elas, lembrando que Bruce demonstrava o poder de seus golpes em alvos praticamente estáticos não permitindo uma melhor avaliação em termos de trocação.
    No que tange ao rendimento físico, Bruce praticava a mesma média de horas dos “tops” do MMA, tendo inclusive alcançado uma definição incrível. Mas o tempo não perdoa, hoje o treinamento de rendimento físico evoluiu muito, permitindo aos lutadores fazerem até mais de 15 minutos de combate intenso. Sem dúvida com o seu “gás” e explosão privilegiados GSP levaria a melhor.
    A técnica do GSP já é consagrada. O canadense se vira muito bem em qualquer situação, tem uma trocação afiada com os pés e mãos, sabe derrubar, sabe finalizar e principalmente sabe se defender além de ser estratégico, habilidoso e dono de um bom psicológico. Bruce certamente deveria ter uma técnica apurada para a época. Pode-se observar que era habilidoso e em seu livro evidencia muito do que é utilizado no MMA de hoje. Com as poucas informações documentadas disponíveis fica difícil comparar a sua técnica com a do canadense, até porque um visa competição e o outro visava situações reais de defesa pessoal. Mas levando em consideração a combatividade de modo geral e a experiência de luta acredito que a técnica do canadense seria superior.
    Aqui só coloquei a minha singela opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. brucce nao era so corpo,mente e tecnica ,existia energia em tudo que fazia cada golpe era caregado de energia adquerido com muito treino e concentraçao e principalmente ele nasceu pra lutar!

      Excluir
  4. Ja tem esse filme pra fazer download amigo
    c tiver coloca o link pra fazer download desse filme é muito loko valel

    ResponderExcluir
  5. Bruce lee foi um grande mestre de kung fu que viveu no século xx
    elee esta vivo e mora no Brasil!

    ResponderExcluir

comente...